10 razões pelas quais a segurança da informação é importante

Toda organização precisa se proteger contra ataques cibernéticos e ameaças à segurança. O cibercrime e o malware são ameaças constantes para qualquer pessoa na Internet, e as violações de dados são demoradas e caras. Os serviços de um provedor de segurança da informação respeitável mitigarão os riscos da informação digital e manterão os sistemas funcionando sem interrupção.

10 razões pelas quais a segurança da informação é importante
10 razões pelas quais a segurança da informação é importante

A segurança da informação consiste em várias estratégias e ferramentas para identificar, prevenir, combater e documentar ameaças a dispositivos de informação digitais e não digitais. Isso inclui garantir que os perfis de mídia social, material contendo informações confidenciais e contas de e-mail sejam seguros. Em particular, você deve prestar atenção às mídias sociais, porque é o lugar mais fácil para hackear alguém e obter todos os seus dados pessoais. Aqui está um exemplo. Para saber mais, leia como espionar um celular sem ter acesso a ele de graça e como é fácil. Qualquer pessoa que lide com informações potencialmente confidenciais deve garantir sua segurança. Aqui apresentamos-lhe as 10 razões pelas quais deve prestar especial atenção à cibersegurança.

Informações valiosas são forçadas a serem protegidas

Somos obrigados a proteger nossas informações para que:

  • eles estão sempre disponíveis quando precisamos deles;
  • podemos confiar que eles estão corretos e que não são manipulados ou destruídos;
  • somente pessoas autorizadas podem acessar nossos dados.

As ameaças estão em todos os lugares

As ameaças à segurança da informação são muito comuns. Além disso, eles incluem worms, vírus, extorsão de informações, roubo de propriedade intelectual, roubo de identidade e roubo de equipamento físico. Ransomware é um software que bloqueia o acesso a informações ou ameaça divulgá-las até receber uma certa quantia em dinheiro. As ameaças à segurança da informação não se limitam a agentes mal-intencionados. De acordo com uma pesquisa, a maior ameaça é representada por funcionários negligentes que não seguem as políticas de segurança.

A segurança da informação protege seus ativos

A segurança da informação protege seus ativos
A segurança da informação protege seus ativos

A crescente dependência da tecnologia da informação significa maior risco. Há um aumento acentuado de incidentes como violações de dados, fraudes e disseminação de código malicioso. Os cibercriminosos por trás disso podem estar trabalhando sozinhos ou como parte do crime organizado ou mesmo do governo. Para proteger você e seus ativos, você deve se esforçar para melhorar a segurança das informações.

As violações de segurança são caras

Os aspectos de uma violação de segurança são muitos e todos podem ser caros. Para as empresas, há perda de receita durante o tempo de inatividade do sistema, perda de receita devido a saídas de clientes e o custo de encontrar novos clientes. Para evitar outra violação, empresas e governos também devem pagar um especialista para analisar a situação e entender o que aconteceu. Novas medidas de segurança provavelmente serão necessárias e, portanto, caras.

Os ataques são cada vez mais impressionantes

A tecnologia está melhorando, o que não significa apenas que os hackers estão melhorando, mas eles não precisam fazer tanto trabalho prático para ter sucesso.

Internet gratuita para funcionários

Os funcionários costumam usar o e-mail da empresa para suas comunicações pessoais. Muitas pessoas usam o laptop fornecido pela empresa para tudo, incluindo a execução de software pessoal. Isso permite que os funcionários mantenham as informações da empresa para uso pessoal. Essa ação traz um risco, pois as informações podem ser visualizadas por outros indivíduos e organizações externas.

Vírus e worms potencialmente destroem o sistema de negócios

Vírus e worms são softwares maliciosos que visam destruir os sistemas, dados e rede de uma organização. Para reduzir o risco desses tipos de ameaças à segurança da informação causadas por vírus ou worms, as empresas devem instalar software antivírus em todos os seus sistemas e dispositivos.

Infecções de download drive-by

Em um ataque de download direto, o código malicioso é baixado de um site por meio de um navegador, aplicativo ou sistema operacional incorporado, sem a permissão ou conhecimento do usuário. O usuário não precisa clicar em nada para ativar o download. Basta acessar ou navegar em um site para acionar um download. Os cibercriminosos potencialmente usam downloads drive-by para injetar cavalos de Troia bancários, roubar e coletar informações pessoais e introduzir kits de exploração ou outros malwares em terminais.

Ataques de phishing

Nos ataques de phishing, os hackers tentam induzir os usuários a realizar determinadas ações recomendadas. Por exemplo, clicar em links em e-mails que os levam a sites fraudulentos que solicitam informações pessoais ou instalam malware em seus dispositivos. Abrir anexos em e-mails também pode instalar malware nos dispositivos dos usuários projetados para coletar informações confidenciais, enviar e-mails para seus contatos ou fornecer acesso remoto aos seus dispositivos.

Ataques distribuídos de negação de serviço (DDoS)

Nesse caso, a enxurrada de solicitações de conexão, mensagens recebidas ou pacotes malformados fazem com que o sistema de destino fique lento ou trave e desligue, desativando usuários ou sistemas legítimos.

Esperamos que essas dez razões tenham convencido você de que a segurança cibernética é um assunto sério e que vale a pena fazer um esforço extra para proteção. Você pode ler mais sobre este e outros tópicos em celltrackingapps.com.